Imprimir Fechar
Sapiranga, 18 de outubro de 2017
Estamos pesquisando sua consulta.
Por favor aguarde alguns instantes!
conteúdo

CAMPANHA - Prefeita Corinha entrega os primeiros exemplares do Álbum do Fiscalito

Distribuição foi na EMEF Pastor Saenger no lançamento da campanha Nota Fiscal Consciente
Redator: Departamento de Comunicação Fonte: Prefeitura de Sapiranga 19/04/2017
Estudantes da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Pastor Rodolfo Saenger, no bairro Centenário, receberam na tarde desta quarta-feira, 19 de abril, a visita da prefeita Corinha  Molling na primeira distribuição do Álbum do Fiscalito, a novidade da Campanha Nota Fiscal Consciente 2017 da Prefeitura de Sapiranga. 
Acompanhada das secretárias municipais Cláudia Kichler (Educação, Cultura e Desporto) e Taís Mödinger (Fazenda), e dos integrantes da Campanha da Nota Fiscal Consciente, Lana Freese e  Evandro Magalhães Silva, a prefeita entregou os primeiros álbuns de figurinhas aos estudantes. Também estiveram presentes na entrega dos álbuns Katia Alves(diretora da EMEF Pastor Rodolfo Saenger), Fabiane Manthei De Oliveira( vice diretora da escola), Robson Da Rosa Almeida (professor de Filosofia da escola) e Marcele Fernandes (coordenadora das séries finais da escola).

''É uma grande alegria estar na escola e  presenciar a felicidade das crianças. Isto, é o resultado do trabalho e dedicação dos professores e equipes diretivas. A  educação  transforma a vida das pessoas. Através da  distribuição dos álbuns estamos contribuindo com  o ensinamento econômico às crianças, possibilitando no futuro a formação de  cidadãos  conscientes quanto a  importância  e necessidade dos impostos  para o crescimento e  desenvolvimento do Município”, destacou a prefeita Corinha. 
 
 A CAMPANHA 

A  nova edição da Campanha da Nota Fiscal Consciente (NFC) aposta no álbum de figurinhas do Fiscalito para chamar atenção à importância da notinha fiscal, além de contar um pouco da história da Cidade das Rosas e falar sobre a importância da nota fiscal. De acordo com a Secretaria Municipal de Fazenda, o novo formato da campanha tem como ideia promover a educação fiscal na rede de ensino e o aprendizado sobre a história da cidade, além de, é claro, destacar a importância de solicitar a nota fiscal e quitar impostos para o retorno em benefícios para a própria comunidade.

"É importante a participação da comunidade, pois o retorno das notas fiscais se dá na arrecadação que reverte em benefícios à cidade e a campanha ainda oportuniza a chance de se ganhar prêmios", coloca a secretária municipal de Fazenda, Taís Mödinger. "É uma ideia muito criativa, e mostra que Sapiranga sempre está um passo a frente na busca de mobilizar a sua comunidade em torno de algo que vai beneficiar a todos", destaca a prefeita Corinha Molling.    
 
O Álbum do Fiscalito é uma espécie de informativo com figurinhas que traz um pouco da história sapiranguense, além de explicar a importância do pagamento de tributos e impostos que revertem em benefícios à população. Além disso, a publicação traz alguns joguinhos, como caça-palavras, labirinto, jogo dos sete erros e palavras cruzadas. Em formato de texto ilustrativo, o álbum mostra como funcionam os impostos e onde são aplicados. Na parte cultural, ele resgata a história de Sapiranga, trazendo também o Hino de Sapiranga, atrativos turísticos e fotos históricas da cidade, além de outras curiosidades do Município que festejou seu 62.º aniversário neste ano. 
 
 COMO VAI FUNCIONAR 

O Álbum do Fiscalito será distribuído gratuitamente para alunos de 1.º a 9.º ano das escolas municipais de Sapiranga. O álbum também poderá ser adquirido diretamente pela comunidade trocando-se 50  notas fiscais acima de 10 reais na Prefeitura (Avenida João Corrêa, 793, Centro). Já as figurinhas estarão disponíveis em pacotes com quatro unidades e serão trocadas nas escolas do Município credenciadas com a Secretaria Municipal de Fazenda por  20 notas fiscais acima de 5 reais.

Os contribuintes também terão direito a um pacote de figurinhas por guia de IPTU, ISSQN e IPVA a cada 100 reais, limitando-se ao máximo de cinco pacotes por guia. Já para os documentos de produtor rural será fornecido um pacote de figurinhas a cada documento fiscal com valor superior a 500 reais. Estas trocas deverão ser feitas no balcão da Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Turismo, no próprio prédio do Palácio das Rosas da Prefeitura Municipal de Sapiranga.
Segundo Lana Freese, uma das coordenadoras da nova campanha, "no pacotinho de figurinhas estarão quatro figurinhas para colar no álbum e um cartão/cupom, que poderá ou não estar premiado. Caso ele não esteja premiado, o contribuinte deverá preencher as informações pedidas e depositar nas urnas. Se ele estiver premiado, o contribuinte deverá vir até a Prefeitura para receber o prêmio". 

As urnas serão distribuídas nas escolas credenciadas do Município para o depósito dos cupons, também havendo uma urna no hall de entrada da Prefeitura. As notas válidas para esta campanha deverão ter data a partir de 1.º de janeiro de 2016, já que no ano passado a campanha não ocorreu devido a exigências da lei eleitoral.
 
 OS PRÊMIOS 

Serão dois os sorteios da Campanha Nota Fiscal Consciente: um no final do primeiro semestre (no dia 11 de junho, no Parque do Imigrante, durante a festa de escolha da nova corte da Festa das Rosas) e outro durante a 34.ª Festa das Rosas, no Parcão, em novembro. Nestes dois sorteios os principais prêmios serão uma bicicleta (aro 16 e 18 marchas), um ar condicionado (9 mil BTUs) e uma moto 150 CC zero quilômetro. Já nos pacotinhos com figurinhas os prêmios para quem ganhar o cartão/cupom premiado são televisores de 42 e 39 polegadas, máquinas fotográficas, rádio portátil, mochilas, jogos educativos, kits escolares, bolsas de chimarrão, estojos escolares, niqueleiras, camisetas e bolas de futebol e vôlei.
 
 O FISCALITO 

A personagem que dá nome ao álbum de figurinhas da campanha da Nota Fiscal Consciente foi criada graficamente (o desenho) em 2014, através de concurso municipal, pela estudante Emanuelly Saione da Silva Massoco, da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Maria Emília de Paula. Em 2015 foi dado o nome Fiscalito, também escolhido através de concurso municipal nas escolas, com batismo dado pela aluna Júlia Pescador Ferreira do Centro Municipal de Ensino (CME) Dr. Décio Gomes Pereira. Por fim, também em 2015, a estudante Carina Erd Jentz (da EMEF Maria Emília de Paula) ganhou o concurso municipal que escolheu a melhor história do Fiscalito, uma biografia para o mascote da Campanha Nota Fiscal Consciente que segue neste texto abaixo.
 
A HISTÓRIA - "Essa é a história de como o Fiscalito, o mascote do Programa de Educação Fiscal Municipal ficou conhecido por todos. Ele era jovem e vivia em uma pequena cidade chamada Real, com sua mãe e seus dois irmãos: Dindim e João Moedão. Seu pai o senhor Cruzado, havia morrido há muitos anos devido a uma forte crise financeira. Mas isso não deixou que Fiscalito desistisse de seu sonho, que era ser reconhecido e valorizado por todos. Certo dia, um homem bem vestido bateu a sua porta. Logo que entrou, foi dizendo:
- Cheguei à cidade faz pouco tempo, e estou a procura de alguém divertido, esperto e cauteloso para trabalhar para mim como mascote de educação fiscal, um novo projeto que estou desenvolvendo, você estaria interessado em participar, como mascote?
-Eu??
-Aceita o convite?
-Acho isso uma proposta interessante, aceito sim!
-Ótimo, partiremos agora mesmo, passaremos em muitas cidades, você terá a missão de conscientizar as pessoas sobre a importância de exigir nota fiscal.
-Que legal! Será um desafio e tanto.
Fiscalito se despediu de sua família e partiu com o nobre senhor para o seu novo desafio. Viajou por muitos lugares, conheceu muitas pessoas e, claro, alcançou seu objetivo.
Finalmente, chegou em Sapiranga, onde visitou escolas e ficou conhecido por toda população, que aos poucos foi percebendo que exigir a nota fiscal é direito de qualquer cidadão."
 
Fotos: Hermes Reich/Departamento de Comunicação
voltar